Seu filho 1-3 anos

Oposição, raiva, caprichos ... que soluções?


Entre 1 e 3 anos, seu bebê mostrará claramente ... sua oposição! Ele percebe que tem uma maneira de pensar diferente da dos pais e que a oposição o ajudará a se afirmar e a se construir. Raiva, caprichos, não repetir: sabe reagir bem.

Ele pica raiva ...

Em casa, no supermercado ... seu anjinho chora, choca e chuta. O que está levando ele? Nos últimos meses, seu filho costuma ficar com raiva. E você nem sempre sabe o porquê ...

Como reagir?

Por que meu filho me provoca?

Seu filho persegue o absurdo, gosta de desobedecer debaixo do nariz enquanto olha para você pelo canto do olho ... Ele o provoca ou o quê?

O que eu faço?

Criança com raiva: como reagir?

A raiva do seu filho às vezes assume proporções que você não sabe o que fazer! Nossas explicações e dicas para entender melhor o que ele sente ... e reagir adequadamente quando ele é dominado por suas emoções.

O conselho do psiquiatra.

Oposição: 5 situações com uma lupa

Diz-lhe "não" ou "não"! Ele foge, grita e bate. Ele que era tão fofo. Entre 16 meses e 3 anos e meio, seu diabinho atravessa a famosa fase da oposição. Pequenas cenas da vida cotidiana revisitadas pelo professor Daniel Marcelli, psiquiatra.

5 respostas do especialista.

Não ... ele só tem essa palavra na boca!

Seu filho não quer mais tomar banho, ele se recusa a entrar no carrinho de supermercado e, na rua, teimosamente se recusa a lhe dar uma mão ... Ele se opõe a tudo e pronto!

Nosso conselho para lidar.

Ele tem mau humor

Impossível vestir o casaco se ele decidisse não vestir! Seu filho já tem um caráter forte. Cuidado com a escalada ...

Como tomá-lo?

Artesanato para apaziguar sua raiva

Gritando, chorando ... para ensinar seu filho a acalmar sua raiva, aqui estão duas idéias de bricolage testadas para você pela revista Atelier des Parents e Popi. Essas "emoções brico", para serem usadas inicialmente como brincadeiras com seu filho, rapidamente se tornam objetos indispensáveis, com as virtudes calmantes!

2 brico-emoções.

Ele se opõe a tudo

Não, não os sapatos. Não, não o banho. Não, não a sopa. Por algum tempo, seu filho se opôs a tudo. Exaustivo! E se o seu pequeno rebelde tivesse suas razões ...

Ajude-o a passar no curso.

Punição: quando e como?

Como pais, às vezes oscilamos entre uma recusa de punição e seu uso impensado, sob a influência da raiva. O psiquiatra infantil Gilles-Marie Valet explica como fazer um uso mais racional e eficiente.

Como punir bem?

Socorro, ele morde!

Para se defender ou desabafar, seu filho tende a mostrar presas ... Mesmo que as mordidas sejam frequentes na idade dele, é importante não deixá-lo fazer isso.

Bebê mordendo, o que fazer?

Obedeça: a chave para sua realização futura

Para o psiquiatra infantil Daniel Marcelli, aprender sobre a obediência pela criança é uma das chaves do seu desenvolvimento futuro. O especialista nos lembra dos riscos da obediência bem construída, que não deve ser confundida com submissão.

O conselho do professor Daniel Marcelli.